2a

José Agostinho Baptista

Nasceu a 15 de Agosto de 1948 na cidade do Funchal
(Ilha da Madeira)

Viveu entre o Funchal e uma aldeia do norte, Faial, os primeiros oito anos da sua vida. Em Outubro de 1969 partiu para Lisboa e regressou definitivamente à Madeira a 29 de Março de 2012.

Colaborou na imprensa, nomeadamente no Comércio do Funchal e mais tarde no República e no Diário de Lisboa, cujo suplemento "O Juvenil" o tornou conhecido como poeta. Desde então e ao longo dos livros já publicados, a sua poesia vem sendo reconhecida como uma das mais originais e importantes na actualidade, como bem assinalaram os textos que lhe foram dedicados em Portugal, Espanha, Itália e França. 
Simultaneamente, José Agostinho Baptista tem vindo a assinar diversas traduções de autores como Walt Whitman, W.B. Yeats, Tennessee Williams, Paul Bowles, Enrique Vila-Matas, Rabindranath Tagore, Robert Louis Stevenson, Malcolm Lowry, David Malouf, Sergio Pitol, Oliverio Macías Álvarez, entre outros.

Condecorado pelo Presidente da República, Jorge Sampaio, com as insígnias de Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique, 1 de Julho de 2001.

Condecorado pelo Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, com a Medalha de Distinção, 1 de Julho de 2015.