L021

 

Revista Margem 2

N.º 27 - dezembro 2009

Uma edição da Câmara Municipal do Funchal
Departamento da Cultura

JOSÉ AGOSTINHO BAPTISTA DE A a Z

 

AGRADECIMENTO:
Na impossibilidade de me deslocar fisicamente à Madeira nesta data, quero sinceramente dizer muito obrigado ao coordenador desta revista e a todos os seus colaboradores. Alguns são amigos, outros não os conheço pessoalmente, mas todos habitam um terno aposento em mim.
 Quero também, em forma de abraço, confidenciar-lhes que esta homenagem, que nasce na minha ilha e se abre ao mundo, é uma das últimas portas por onde entram os testemunhos da generosidade, da amizade e do amor. Amor pela palavra, amor pela vida, amor pela sensível arte de partilhar as viagens do pensamento, da memória e da emoção.
Por isso, e por outras mais secretas e obscuras razões, valeu a pena tudo o que escrevi, valeu a pena nunca ter abandonado as raízes, os sonhos, as travessias de um mar feito de poemas, alterosas vagas, calmos entardeceres junto às pedras tocadas pelo sol e pelo sal.
 Que o crepúsculo da minha vida irradie sempre essas sagradas tonalidades de um horizonte que ainda contém eloquentes sinais.

José Agostinho Baptista


 

Voltar1