L001

 

CAMINHAREI PELO VALE DA SOMBRA

2011 - Assírio & Alvim


... E quando eu caminhar pelo vale da sombra,

ela descerá ao pequeno porto, descalçando as

sandálias,

mergulhando no mar,

repetindo os nomes de todos os que partiram,

de todos os que a amaram,

hesitando à entrada da taberna,

vendo o meu lugar vazio, o violino sobre a mesa, um

silêncio maior que a lentidão das praias,

e pensará em tudo, em cada som, em cada lágrima, em

nada.

Ela voltará as costas.

Nunca fomos deste mundo, dir-lhe-ei por fim,

ao fechar a última porta.


 

Voltar1